sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Halfway

é incrível como metade do caminho já está concluído, nesta que tem vindo a ser a viagem mais alucinante da minha vida. acho que mudamos desde o dia em que vemos aquela marcazinha no teste de gravidez...há algo dentro de nós que muda e nunca mais será igual.

estas 20 semanas têm sido completamente recheadas de todo o tipo de emoções, tudo à minha volta vai mudando, tudo em mim se ajusta, se transforma...e a verdade é que me sinto cada dia mais feliz, mais completa. 
quando me deparei com o tão famoso "positivo" estava tão longe de imaginar como esta aventura seria, todos os dias tenho mais certeza que quero conhecer este bebé, todos os dias gosto um bocadinho mais dele...é um amor que vai crescendo, juntamente com a barriga, com as mudanças, com as preocupações, com as alegrias, com os medos e dúvidas, com a felicidade...

eu sei, estou lamechas...nem todos os dias são assim, nem todos os dias me sinto radiante... mas hoje sinto-me especial, sinto-me imensamente feliz. talvez não seja um marco assim tão importante mas para mim é uma data especial. 
20 semanas de ti em mim.

esta semana fui ainda presenteada com sensações únicas. 3 noites quase sem dormir com ele a mexer-se como doido, e eu que achava que era muito cedo! filmei a barriga antes que me achassem doida e lá está ele a fazer-se ver cá fora, é lindo! 

ainda não fiz a sessão das 20 semanas...mas fica uma foto tirada na 4ª feira para enviar ao papá que estava em viagem:



Volto quando estiver menos lamechas :) 

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Tralhas de bebé

Por muito que tente evitar, já são várias as prendinhas cá por casa... e o "pior" está para chegar, com a aproximação do Natal! 

Aqui ficam as Primeiras Roupinhas que eu e o papá comprámos:


Como podem ver, o meu instinto já me dizia que seria um menino x)

Mais tarde, após uma das ecografias, comprámos mais 2 pijaminhas coloridos, ainda não sabíamos o sexo:



Chegaram algumas prendinhas como o quadro em gesso para o pezinho do bebé, biberão da Chicco, babetes...tudo isso no aniversário do Papá:


Na foto podemos ainda ver as sapatilhas azuis, a mais recente compra da avó e babetes amarelos lindooos que eu confesso não ter resistido quando visitei a Zara.


Um conjunto de babygrows lindos e sapatilhas all star, prendinhas das amigas (aka titias babadas):



De um modo geral, sem contar com livros e com as prendas que estão em casa de ambos os avós, a coisa lá por casa já anda assim:



A coisinha que mais adoro é esta coruja, todos os dias o baby ouve (ou não) através da minha barriga! Não sei se o garoto gosta, ou me roga pragas =P, mas eu cá coloco a coruja a tocar e fico calminha calminha! No fundo, eu desejo profundamente que ele um dia adormeça assim quase de imediato a ouvir isto (keep dreaming eu sei...)



No Sábado, no Workshop, foram estas as amostras:



segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Hi December!

Chegou Dezembro, sempre nutri um carinho especial por este mês. Tenho óptimas recordações dos meus tempos de infância, adorava o espírito que se ia criando lá por casa. Quando as férias da escola chegavam, era uma euforia passar os dias em casa da avó, preparar o pinheiro de Natal, apanhar o musgo e passar os dias a brincar junto ao presépio...guardo no coração estes momentos perfeitos, ao lado da minha irmã, com o cheiro a doces pela casa. A euforia de abrir os presentes no dia de Natal era um momento único, cheio de magia. 

Gostava muito de um dia poder proporcionar o mesmo ao meu pequeno rebento. O que me parece, olhando para os miúdos de agora, é que o Natal já não tem a mesma magia...as crianças já não anseiam pelas prendas como eu e a minha irmã ansiávamos  e as prendas são às toneladas e são arrumadas logo na 2ª semana. Tenho imensa pena quando vejo isto e queria muito, um dia, tornar as coisas diferentes em minha casa. A verdade é que ele ainda está longe de vir ao mundo e já tem toneladas de prendas lá por casa...

Este Natal tem já um encanto novo...único. Sinto-me completa, radiante. É o meu primeiro Natal com o piolho ainda quentinho e protegido aqui dentro e isso simplesmente não se explica.

Cá por casa já mora o espírito de Natal e confesso que aguardo muito ansiosamente o Natal em casa do meus pais :)!





Foto das 16 semanas:


Foto das 17 semanas:


Hoje estamos com 18 semanas + 3 dias, é incrível como metade do tempo já quase passou!
Confesso que as 18 semanas foram marcadas por momentos menos bons, para além de alguns sustos...senti-me, pela primeira vez, bastante mais sensível! Alguns dias dei comigo a chorar quase sem motivo. Não é fácil assistir a tantas mudanças e lidar com tantos sentimentos novos.

Afinal, esta é a maior (e melhor) aventura das nossas vidas.
Ocorreu um erro neste dispositivo